02 novembro 2006

Estará na lista? :))))))))))))))



Rejouissance da Suite Música para os Reais Fogos de Artifício de G.F.Händel

Com certeza, ultimamente, terão ouvido esta peça frequentemente. Com efeito, ela foi escolhida como música do genérico do programa Os Grandes Portugueses e de alguns spots promocionais. Trata-se de um andamento, intitulado Rejouissance, da Suite Música para os Reais Fogos de Artifício de G.F.Händel. Esta peça foi composta no reinado de George II de Inglaterra, em 1749, e destinou-se a comemorar o Tratado de Paz de Aix-la-Chapelle que pôs fim à Guerra de Sucessão Austríaca. Nessa ocasião, efectuou-se um concerto em Green Park, Londres, durante o qual se ouviu esta obra e foi lançado fogo de artifício, daí o seu nome.
Sem contestar, evidentemente, a beleza e o valor da peça, é curioso que não tenha sido escolhido para o referido genérico um excerto de uma obra de um compositor português. Também para os spots promocionais que passaram na Antena 1, a escolha recaiu de novo em Händel, neste caso na peça Chegada da Rainha de Sheba. Parece óbvio que os autores preferem música do período barroco :) Sendo assim, porque não terão utilizado, por exemplo, obras de Carlos Seixas? Este está na lista :))))


Concerto para Cravo e Orquestra em Lá de Carlos Seixas

A nossa sugestão, em alternativa a Händel.

16 Comments:

Blogger Aspásia said...

Claro que o Händel (mãozinhas ?), que até era um grande Homem com H grande... não tem culpa e sabe sempre bem ouvi-lo.
O que era bom é que os nossos grandes luminares da cultura portuguesa, num caso destes fossem buscar também um compositor luso para ilustrar um programa tão "Portugalex"...
mas como se sabe jã é atávico que o portuguesito despreze ou até ignore o que por cá tem de bom e que até não é pouco para o tamanho do rectângulo...

3/11/06 08:43  
Blogger Aspásia said...

... e também como 98% dos portugas não sabe quem é o Händel e muito menos o Seixas... a não ser que algum entrevistado na Rua Augusta responda que são jogadores da 2ª divisão... cá temos que um programa que até terá qualidade, começa logo por assentar em pés de barro...
Podia alongar-me e comparar com casos que até presenciei recentemente... como esse da banda larga nos jardins que é uma bela fachada para inglês e não só ver... que eu falei com o guarda do jardim Amália Rodrigues e contou-me cenas do arco-do-velho-Portugal... talvez depois numdos meus blogs me espraie sobre esse caso...
Quanto à Rainha do Sabá... pois não me admira... ela não morava para os lados de um pagode??? Asiim até não calha mal para este pagode de país!!!

3/11/06 08:52  
Blogger Aspásia said...

"qualidae, mas que começa"

Bjs para ambos :)

3/11/06 08:54  
Blogger Aspásia said...

"qualidade"... (estou à pressa)

3/11/06 08:55  
Blogger viktor said...

Aspásia,
Por aqui, tentamos divulgar a música e os compositores portugueses, para que ninguém pergunte em que clube joga Carlos Seixas :)))))
Tal como se refere no texto, Carlos Seixas está na lista. Quantos votos terá obtido?
Bjs.

3/11/06 23:21  
Blogger wind said...

Gosto muito de Handel. Confesso que conhecia a música de Carlos Seixas, mas não sabia que era ele o compositor. Ópamim corada.lol
A mania de portugal ir buscar estrangeiros já vem de há muito, infelizmente.
Ó prof. desculpe não ter comentado o post anterior, mas era muito tempo para ver os vídeos;)))
beijos

4/11/06 00:40  
Blogger MJ said...

Talvez porque não queiram com isso "promover" um dos candidatos?! De qualquer das formas temos tão bons compositores que há muitas outras hipóteses de qualidade, claro que a inteligência e originalidade dos organizadores desses eventos, normalmente, não chega para tanto..

4/11/06 19:51  
Blogger andorinha said...

Olá!
Concordo com os comentários já feitos anteriormente.
O que vem do estrangeiro é sempre melhor:(
E essa de em que clube joga Carlos Seixas está muito bem apanhada, Vic.
Beijinhos aos dois.

5/11/06 22:00  
Blogger MJ said...

Parabéns! Belíssimo este concerto! :-)
Obrigada por nos oferecerem estas "pérolas" musicais.
Abraço

6/11/06 10:47  
Blogger mfc said...

Estão lá outros que não mereciam estar.

6/11/06 14:02  
Blogger JFR said...

Infelizmente, o genérico também se destina a funcionar como vídeo promocional. Daí que a sua provável idealização tenha sido realizada por uma agencia de publicidade. Não o afirmo, mas, admito-o.

A sua aprovação terá tido em conta o binómio custo/efeito no público. Sem ter em conta esses pormaiores que gente com outras preocupações verifica.

Parabéns pela justa crítica e, mais ainda, por se apontar uma solução. Que em termos de beleza musical não se afasta da escolhida.

7/11/06 01:43  
Blogger viktor said...

Wind,
Este andamento do concerto de Carlos Seixas é bastante conhecido, tendo passado por diversas vezes como música de fundo em documentários nacionais.
Quanto aos vídeos, por esta vez passa... Para a próxima, vai um recado na caderneta :))))))))
Bjs.

Mj 1ª, (para distinguir da Mj 2ª)
Bela desculpa :))))))))
Não penso que se trata de falta de inteligência. Acho é que há poucas pessoas com formação em música a trabalhar na televisão.
Bjs.

Andorinha,
Por outro lado, também não devemos cair no erro de pensar que só "o que é nacional é bom"...
Penso também que há uma progressiva e excessiva futebolização do nosso país. Mas quem sou eu? O Pacheco Pereira já disse isso há alguns anos e ninguém lhe ligou nenhuma :)))))
Bjs.

Mj 2ª,
Obrigado pelo elogio, mas verdadeiras pérolas são as diversas interpretações do andamento de Händel que tenho aqui no computador.
Até breve.
Bjs.

Mfc,
Os critérios das listas são curiosos, para não falar da pertinência do próprio programa.
Na verdade, estamos todos aqui a falar de Carlos Seixas e esse mérito, ninguém pode retirar ao programa :)))

Jfr,
Penso que seria nossa obrigação apresentar uma proposta. Assim, optámos por um tema sobejamente conhecido e disponível em CD :))
Por vezes, há soluções tão simples no mercado interno.
Um abraço.

7/11/06 23:19  
Anonymous Cinda said...

Ando muito faltosa mas são faltas justificadas, como decerto a Pamina entenderá.

Tentarei recuperar no fim-de-semana, pode ser, setôr Viktor? :)

Beijinhos doces para os dois!

11/11/06 00:24  
Anonymous henrique doria said...

É o nosso provincianismo.Seixas é admirável, tem muito que nada fica a dever a Handel.Um abraço para o Viktor, beijos para a Pamina.

12/11/06 11:17  
Anonymous Anónimo said...

Gosto muito do seu Blog e fiquei contente em conhecer um musico que , confesso, desconhecia.
Parabéns.
Bertha Solares .
SP_Brasil.

13/11/06 19:59  
Anonymous bitore oliveira said...

vim ter a este blog enquanto diletantava pela net (à procura de referências ao festival de Waldbuhne-cuja edição de 2004, ainda há pouco tempo repetiu na :2) e poucos segundos após a página se ter descarregado totalmente, o tinha já gravado nos meus favoritos.
Sou um leigo-muito-leito nas lides da melomania, mas fã confesso das manifestações de "democratização pedagógica da cultura" (i.e, Proms, Concertos de Waldbuhne...)Fica-me a saber a "rebuçadinho", cada vez q me ligo à net e aqui venho para ler posts antigos e me actualizar/aprender com quem sabe da poda (como se diz, cá no norte).
Para não maçar mais, despeço-me com um bem-haja aos prestadores deste "serviço público" e com a promessa de cá voltar para ver os novos "rebuçadinhos" deste pote.

24/11/06 23:39  

Enviar um comentário

<< Home