15 dezembro 2005

For unto us a child is born - Fuga coral

Clique na imagem para ampliar

Podem ouvir aqui o andamento For unto us a child is born do Messias de G.F.Händel. Como poderão observar pelo gráfico acima, trata-se de uma fuga. Falámos já de fugas em dois posts anteriores. Para recordar, uma fuga é um tipo de peça musical que consiste num conjunto de entradas sucessivas de instrumentos ou vozes.
Passando então a analisar o gráfico:

Exposição:
A obra inicia-se com uma introdução instrumental. Seguidamente, ouve-se o Tema nos sopranos com o texto "For unto us a child is born". Depois, este mesmo Tema é executado nos tenores, enquanto os sopranos executam o Contratema, facilmente identificável pelas notas rápidas. Segue-se a Resposta nos contraltos e o Contratema Transposto nos baixos.
Desenvolvimento:
Com fundo verde estão marcados no gráfico os 4 episódios do desenvolvimento, os quais nesta fuga têm sempre o seguinte texto: "Wonderful, Counselor, The Mighty God, The Ever lasting Father, The Prince of Peace!". Antes de cada episódio, ouve-se o texto "And the government shall be upon His shoulder" que vai sendo executado por diferentes vozes, servindo de preparação para os ditos episódios.
Händel cria também um jogo entre as várias vozes, utilizando pequenos fragmentos, que se ouvem entre os episódiod, baseados no início do tema (cabeça do tema) e no final do tema.
Re-Exposição:
Contrariando as regras da fuga, não há uma execução final do tema e do contratema, mas sim uma coda instrumental que encerra a obra.
Nesta excelente intepretação da orquestra The English Concert, dirigida pelo maestro e cravista Trevor Pinnock, a intrumentação utilizada neste andamento é a seguinte:
- 6 primeiros violinos
- 6 segundos violinos
- 4 violas de arco
- 4 oboés
- 2 fagotes
- baixo contínuo (1 violoncelo e órgão)

Note-se que estes instrumentos são instrumentos originais (Séc.XVIII). Também o tipo de execução vocal e instrumental segue as normas da época. Por vezes, encontramos gravações do Messias tocadas ao estilo romântico, recorrendo a grandes orquestras e coros, o que na realidade não é correcto, segundo registos que chegaram até nós.

19 Comments:

Blogger moon said...

Era "vinguei-me", sorry.

15/12/05 22:26  
Blogger moon said...

Excelente música!
Cresci a ouvir música. O pai dava-nos (a mim e aos manos "banhos" de música clássica ( e não só) e ópera. Confesso que por ser obrigada a ouvir o que ele queria, durante anos "vinguem-se" e não liguei muito à clássica. Wagner então era um "castigo". Mas o gosto esteve sempre lá e o meu pai nem imagina que a minha ópera favorita é de Wagner: O Navio Fantasma (ou Holandês errante, já lhe ouvi chamar os dois nomes). Aos meus filhos incuti o gosto pela música (sem nunca obrigar) e os resultados são gratificantes!
Continuem o bom trabalho!
Um abraço

15/12/05 22:26  
Blogger wind said...

Lindíssima música com uma cuidada e eficiente explicação:) beijos

16/12/05 01:57  
Blogger andorinha said...

Belíssimo post, como sempre.:)
Beijinhos.

16/12/05 21:16  
Anonymous Mi said...

A propósito do que o Viktor diz no último parágrafo, sobre interpretações históricamente informadas, estou com um bocadinho de inveja de quem pode ir amanhã à Casa da Música: The Gabrieli Consort & Players.

17/12/05 04:12  
Blogger Mitsou said...

Ahh, que bem que me sabe entrar aqui! Saio sempre mais rica em todos os aspectos.

Beijinhos doces para os dois com votos de Festas Felizes e um 2006 cheio de coisas boas, meus queridos!

17/12/05 17:14  
Anonymous mb said...

Um blogue de grande qualidade e feito com um trabalho que só a paixão permite. Tenho de o percorrer inteiro, e virei cá todos os dias que possa. Oxalá dure.

18/12/05 23:12  
Blogger moon said...

Olá, olá!
Como comentei no vosso postal de aniversário para o Júlio, eu bem dizia que vocês eram bonitos por dentro e por fora. E não é que são mesmo?!
Beijinhos

19/12/05 19:14  
Blogger viktor said...

Moon,
Ainda bem que incutes o gosto pela música nos teus filhos. As crianças pequenas costumam adorar. Obrigado pelo elogio. Bjs.

Wind,
De facto é um dos andamentos mais belos do Messias. Bjs.

Andorinha,
Vamos tentando criar bons posts. Bjs.

Mi,
Além de ser arquitectonicamente expectacular, a Casa da Música já está na rota da música antiga. Ainda bem. Bjs.

Mitsou,
Boas Festas para ti também.
Bjs.

Mb,
Obrigado pela visita e pela divulgação. É a paixão pela música que nos move.

19/12/05 20:16  
Blogger Pamina said...

Mito obrigada pelas vossas palavras.
Boa semana, bom Natal e um graaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaande beijo.

19/12/05 20:31  
Blogger mixtu said...

som divinal, sem ou com a tua licença vou passar por cá
jinhos

20/12/05 19:37  
Blogger stillforty said...

Faz bam ao espírito vir aqui, ouvir a música.

Um post difícil, mas sempre interessante.

Deixei prendas no meu blog, um para a Pamina, outro para o Viktor.

Beijos e Bom Natal

21/12/05 20:23  
Blogger perola&granito said...

Feliz Natal!!

21/12/05 21:42  
Blogger MT said...

Bom trabalho na área da divulgação musical, é importante o que aqui está a ser feito.
A música é um balsamo para a alma, mas que por vezes para ser bem aplicado tem de haver quem o explique.

21/12/05 23:09  
Anonymous Ni said...

Feliz Natal,Pamina e Viktor!
Um óptimo 2006 cheio de BonaMusica.
Muitos beijinhos.

21/12/05 23:30  
Blogger viktor said...

Mixtu,
Passa sempre que quiseres.
Contamos com a tua visita.

Stillforty,
De facto foi uma análise trabalhosa deste andamento do Messias. Obrigado pelas prendas. Um bj. do primo.

Mt,
Obrigado pela visita. Volta sempre que quiseres. Por vezes uma explicação faz com que o acto de sentir a música seja mais forte. Bjs.

Ni,
Feliz Natal e bom 2006 também para ti. Bjs.

21/12/05 23:48  
Blogger JMTeles da Silva said...

Um Feliz Natal para vós, com pena de não poder retribuir condignamente esta vossa belíssima prenda.

22/12/05 13:11  
Blogger wind said...

Vim desejar-vos um bom Natal e óptimas entradas:) beijos

22/12/05 19:04  
Blogger trintapermanente said...

roubei-vos a musica. espero que não fiquem zangados comigo :) beijinhos e bom natal!

23/12/05 13:08  

Enviar um comentário

<< Home